Criado Conselho de Defesa dos Animais

Cães abandonados é um dos problemas discutidos pelo conselho

Com o objetivo de diminuir o número de animais em situação de vulnerabilidade, a taxa de natalidade e os casos de abandono de animais, além de encontrar um mecanismo para responsabilizar os responsáveis por maus tratos, Teutônia criou o Conselho de Defesa dos Animais.

Contando com a participação de representantes da Secretaria da Agricultura e Meio Ambiente, Secretaria da Saúde, Secretaria da Educação, Vigilância Sanitária, REPRASS, APANTE, Grupo Patas Solidárias, médicos veterinários e o vereador Cleudori Paniz, o conselho teve a primeira reunião na semana passada.

No encontro cada integrante falou o que esperava sobre o conselho e surgiram ideias para arrecadar fundos direcionados a cães atropelados.

A médica veterinária do município, Candice Schmidt, destacou a importância de criar o conselho. “Pensamos que através da união de forças será possível elaborar políticas públicas para diminuir os cães nas ruas, bem como o número de zoonoses e casos de maus tratos”, comentou Candice.

- publicidade -

DEIXE UMA RESPOSTA

Escreva seu comentário!
Digite seu nome aqui