Cami, de Estrela, amplia atendimento nas áreas de ginecologia e obstetrícia

Pacientes têm, a partir deste mês, atendimento integral de segundas a sextas-feiras

Centro atende gestantes e crianças com até dois anos de idade, pelo SUS/Crédito da foto: Rodrigo Angeli/Divulgação

O Centro de Atendimento Materno-infantil, de Estrela, implantado em parceria pelo Governo Municipal, através da Secretaria da Saúde, e pela Univates, está com atendimento ampliado nas áreas de ginecologia e obstetrícia. Nesta terça-feira (02.01) teve início a modalidade de internato nestas duas especialidades, ou seja, os alunos que estão concluindo o curso de medicina, acompanhados do professor, vão atender de segundas a sextas-feiras nos turnos da manhã e tarde.

Conforme a enfermeira Débora Martins, da Secretaria de Saúde, até o final de dezembro o atendimento era feito em cinco turnos por semana, com uma média de 50 consultas no período. Agora, com a ampliação, este número deve chegar a 120.  Segundo Débora, o projeto do Cami, ao iniciar suas atividades, em fevereiro do ano passado, já previa este aumento nos horários, na medida em que avançasse o curso de medicina da Univates. A pediatria, que hoje disponibiliza consultas em três turnos por semana, tem previsão de estender para 40 horas semanais já a partir do segundo semestre deste ano.

Números
De fevereiro a dezembro do ano passado o Centro Materno-infantil prestou 1.119 atendimento atendimentos na área de ginecologia e obstetrícia; 524 na pediatria; 1.945 na área de enfermagem e 92 na de nutrição. No local são atendidas gestantes e crianças até dois anos de idade pelo Sistema Único de Saúde (SUS). O Centro conta com nove consultórios – três de pediatria, três de ginecologia e obstetrícia, um multiprofissional, um de enfermagem e outro de acolhimento – e uma sala de educação em saúde.

- publicidade -

1 COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA

Escreva seu comentário!
Digite seu nome aqui