Jovens do Projeto Aprendiz, em Estrela, recebem certificados

Solenidade de entrega foi realizada na tarde desta sexta-feira, no Salão Nobre da prefeitura

Jovens das duas primeiras turmas do projeto, junto com autoridades/Crédito da foto: Paulo Ricardo Schneider/Divulgação

Alunos das duas primeiras turmas do Projeto Jovem Aprendiz, Desenvolvendo Gerações, receberam na tarde desta sexta-feira (12.01) os certificados de conclusão do curso. A realização é do Governo de Estrela, através da Secretaria do Desenvolvimento Social, Trabalho e Habitação (Sedesth), que ofereceu oficinas e palestras a jovens entre 14 e 17 anos, preparando-os para o mercado de trabalho.  Foram abordados temas como características e demandas do mercado de trabalho e a inserção dos jovens; excelência no atendimento; como se portar e falar em público; relações humanas e de comunicação.
A solenidade contou com a presença do prefeito em exercício Valmor Griebeler; presidente da Câmara, vereador marco Wermann; delegado da 21ª Delegacia do Sine no Vale do Taquari, Nélio Vuaden; titular da Sedesth, José Itamar Alves; presidente da Cacis, Pedro Antônio Barth; coordenador do Trabalho da Sedesth, Éder Follmann; responsável pela aplicação do projeto, jornalista Fabiano Conte; e representando as empresas que apóiam a iniciativa, Juliana Alves, do Setor de Recursos Humanos da BRF. Secretários, representantes de escolas e entidades também prestigiaram o ato.

Qualificação
Nos pronunciamentos, todos destacaram a importância da qualificação dos jovens para a conquista de uma vaga no mercado de trabalho. “Ter políticas públicas para os jovens é fundamental”, frisou o presidente do Legislativo. O delegado do Sine, Nélio Vuaden, citou o pioneirismo de Estrela nesta iniciativa. “Nossa preocupação é com o futuro”, enfatizou o prefeito em exercício Valmor Griebeler, frisando que aqueles que se preparam e se qualificam estão “um passo à frente” na conquista de uma vaga no mercado de trabalho. No entanto, segundo ele, é preciso demonstrar compromisso com a sociedade e capacidade, pois sempre há a possibilidade de crescimento.  O titular da Sedesth, José Itamar Alves, e o coordenador do Trabalho, Éder Follmann, ressaltaram que, após o curso, já foram captadas 18 vagas para jovens.
As duas primeiras turmas do projeto contaram com 33 alunos. A terceira – com cerca de 25 participantes – começa as aulas na terça-feira da próxima semana (16.01), às 13h30min, no Salão Nobre da prefeitura. Haverá encontros também nos dias 18, 23 e 25 de janeiro. Além desta, haverá mais duas, nos meses de fevereiro e março. No entanto, somente há vagas ainda para a turma de março. As inscrições podem ser feitas com o coordenador do Trabalho Eder Follmann, na Sedesth.

- publicidade -

DEIXE UMA RESPOSTA

Escreva seu comentário!
Digite seu nome aqui