Jogos Germânicos da 20º ParkchoppFest de Estrela fizeram a alegria de equipes e torcidas

A tradicional gincana rural mobilizou mais de 150 competidores de seis equipes em 12 provas

337
Não foram poucos os momentos que o público riu muito com tombos/ Crédito da foto: Rodrigo Angeli/ Divulgação

Os Jogos Germânicos foram a atração de sábado do 20º ParkchoppFest. A gincana ligada às tradições rurais é sempre um dos eventos mais aguardados da Maifest. Não foi diferente em 2019. O sol brilhou e o Parque Princesa do Vale recebeu grande público para acompanhar os mais de 150 competidores de seis equipes na realização de 12 provas. O evento foi uma promoção conjunta da Secretaria Municipal de Esportes e Lazer (Smel) e Rotary Club de Estrela.

Participaram as equipes Asinha de Porco; Glória; Alemons Potata; Só Nó de Pinho; OFF Keschmier e Os Costosos. A tarde iniciou com o desfile de apresentação, onde era necessário contar com um mascote. O “touro” dos Alemons Potata fez a alegria da criançada. A prova da canastra envolveu alguns conhecidos das mesas de outras competições, como os Jogos Intercomunitários. Dona Noemia Eckhardt, de 85 anos, adorou participar da brincadeira. “Quero e vou voltar no próximo ano”, garantiu a moradora do Bairro Boa União.

A disputa já começou complicada com o Pau de Sebo. Apesar de muito esforço, não foram todos que conseguiram pegar a bandeira em seu topo. Carregar a tora exigiu força e foi motivo para um ou outro tombo, para delírio da torcida. Mas nada comparado às quedas ao fim das provas do cabo de guerra, vencida pela Asinha do Porco. O circuito que envolveu as tarefas conjuntas do carinho de mão, debulhar o milho, descascar a mandioca, levantar um pesado pneu de trator e outras exigiu muito entrosamento e fôlego das equipes.

Algumas provas chamaram a atenção. A que fez mais sucesso entre os competidores foi a da Guerra das Almofadas, onde antes de derrubar um oponente com uma almofadada era necessário tomar um copo de chopp: todos pediram até uma repetição. Outra foi a tarefa que testou dotes culinários. As seis equipes escalaram uma “padeira” para aplicar a sua receita. Os pães foram assados ali mesmo e em meio à tarde o cheiro tomou conta do lugar. Todos queriam experimentar, mas apenas os jurados tiveram este direito. O título de mais delicioso ficou a OFF Keschmier.

As provas também envolveram crianças, cadeirantes e tiveram cunho social. Tanto que foram arrecadados mais litros de leite do que o solicitado na tarefa. O montante foi doado à Liga Feminina de Combate ao Câncer de Estrela. Para fechar a tarde, foi realizada a Estafeta Germânica. A prova reuniu mais de 70 competidores de uma só vez. Não teve um deles sequer que não tenha se molhado na tentativa de passar de mão em mão uma esponja para encher o máximo possível uma garrafa. O grupo da Glória se saiu melhor, mas ao fim da tarde o título ficou mesmo com outra tradicional equipe.

1º – Só Nó de Pinho (176,6 pontos);

2º – Glória (150,3);

3º – Asinha de Porco (144,6);

Os Costosos (141,3);

5º – OFF Keschmier (123,1);

6º – Alemons Potata (105,3).

- publicidade -