Vacinação das crianças deve iniciar dia 19

- Publicidade -spot_imgspot_img

Após muitas polêmicas e entraves, a vacinação contra covid-19 de crianças entre 5 e 11 anos deve iniciar na próxima semana. O governo do Estado promete começar a imunização na quarta-feira (19/1) em todos os municípios gaúchos.

A Comissão Intergestores Bipartite (CIB) definiu que o cronograma de vacinação seguirá o que é feito desde o início da imunização: os primeiros vacinados serão os 96.427 meninos e meninas com alguma comorbidade, como hipertensão, diabetes ou asma, ou imunossuprimidos.

O restante do público, 862.747 crianças que não têm comorbidades, serão vacinadas de acordo com a idade. O cronograma começa pelas crianças com 11 anos, ainda em janeiro. Crianças indígenas (3.911) e quilombolas (1.188) serão vacinadas conforme orientação futura do Ministério da Saúde.

O cronograma seguirá pelos próximos meses. Em fevereiro, crianças de 10 a 9 anos, e março as de 8 anos. O Estado aguarda ainda a previsão de novas remessas de vacina para programar a vacinação das outras idades.

O primeiro lote recebido pelo país é de 1,248 milhão de doses que foram distribuídas entre os estados. Outros dois lotes com a mesma quantidade devem ser entregues ao país nos dias 20 e 27. Durante o fim de semana, equipes da Secretaria Estadual de Saúde separarão as doses que serão distribuídas na próxima segunda-feira (17/1) para as regiões.

Na quarta (12/1) e quinta-feira (13/1), a Secretaria da Saúde (SES) e o Conselho das Secretarias Municipais de Saúde do Rio Grande do Sul (Consems) capacitaram vacinadores indicados pelos municípios sobre a aplicação do imunizante.

Municípios aguardam vacinas

Os municípios ainda aguardam a definição de quantidade de vacinas a serem recebidas para programarem o início e o cronograma da imunização. Em Estrela, a Secretaria de Saúde ainda é cautelosa quanto à programação e aguarda a chegada dos imunizantes. Mas já adianta que devem ocorrer etapas exclusivas de vacinação para as crianças, com ações do Parque Princesa do Vale, como em etapas anteriores, e com a vacinação ocorrendo também nos postos de saúde.

No município, são 2.708 crianças na faixa dos 5 aos 11 anos. O secretário Celso Kaplan avalia que Estrela, assim como os outros municípios do Vale, está bem preparada para mais esta etapa. “Nós temos as melhores equipes de imunização no RS. Estamos bem organizados e aguardando com as equipes”, afirma.

Kaplan destaca a importância dos pais acompanharem as crianças na vacina, para dar mais segurança e para que recebam as orientações. Salientou que é normal que aconteçam algumas reações, assim como em qualquer vacina. “Isso faz parte, em um ou dois dias isso desaparece e temos vida normal”, tranquiliza.

O secretário de Saúde de Teutônia, Juliano Körner, destaca que o objetivo da vacinação nesta faixa etária é reduzir as chances de agravamento dos sintomas da doeça, e reduzir os riscos de óbito por covid-19 nesse grupo. “Também reduzirá a transmissão do vírus e será uma importante aliada na retomada das atividades escolares em fevereiro”, considera.

Körner lembra que a vacinação infantil funcionará de forma um pouco diferente, por isso os profissionais passaram por qualificação. “Após receber as orientações, informaremos como funcionará o processo em Teutônia”, complementa.

Como será a aplicação

A vacina utilizada para as crianças de 5 a 11 anos será a da Pfizer, versão pediátrica. O imunizante é uma dose menor do que a dos adultos. Para evitar erros, a vacina pediátrica virá em um frasco laranja, diferenciado dos frasco de vacina adulta. O intervalo entre a primeira e a segunda dose será de 8 semanas.

A vacina para crianças foi aprovada pela Anvisa ainda em dezembro do ano passado, atestando a segurança da mesma. As reações que ela pode causar, são as mesmas que qualquer outra vacina, como febre ou dor no local da aplicação. As mesmas desaparecem em poucos dias. Reações adversas graves são extremamente raras, de acordo com os especialistas.

- Publicidade -

MAIS

- Publicidade -
- Publicidade -

Notícias relacionadas

- Publicidade -

DEIXE UMA RESPOSTA

Escreva seu comentário!
Digite seu nome aqui