Airton Kist deixa presidência da CIC Teutônia

795
Posse da atual diretoria foi em 5 de março de 2020 / Crédito da foto: Lucas Leandro Brune / Arquivo FP

Airton Roque Kist comunicou a diretoria da CIC Teutônia a intenção de deixar o cargo de presidente da entidade. No ofício entregue nos últimos dias, Kist justifica a saída pelo fato de não estar mais no quadro funcional da Certel desde o dia 29 de setembro. E foi a cooperativa que indicou Kist para assumir a função.

A Certel comunicou o desligamento de Kist para a CIC e referendou a sua manutenção no cargo de presidente até o fim da presente gestão. Todavia, Kist entendeu que deveria declinar da função e repassar o cargo.

Kist agradeceu a oportunidade de presidir a CIC nestes dois mandatos, os relacionamentos estabelecidos, os desafios de apoio ao empresário durante a pandemia, a realização de eventos e a representação da classe empresarial. Ele ainda não informou qual será seu futuro profissional.

O estatuto da CIC prevê que o presidente deva estar vinculado a um CNPJ associado ou ser profissional autônomo associado da entidade. A CIC deverá realizar assembleia geral extraordinária para aprovar a assunção da vice-presidente Tânia Maria Schardong para o cargo de presidente, até a conclusão do mandato, em março de 2023.

Kist foi eleito presidente da entidade em 4 de março de 2020 para um mandato de dois anos, que encerrariam em março de 2022. O mandato foi estendido por 1 ano em função da pandemia e para o cumprimento dos contratos da Festa de Maio, cujas assinaturas cabiam ao presidente da entidade.

Airton Roque Kist
- publicidade -