Prefeitura de Imigrante paga mais de 1 milhão em processos trabalhistas

795
Conforme o prefeito Celso Kaplan pagamento de processos causou impacto orçamentário no município/Crédito da foto: Édson Luís Schaeffer/Arquivo FP

Ao longo dos últimos três anos o Município de Imigrante pagou diversas ações trabalhistas, que totalizaram R$ 1.230.776,50. As ações trabalhistas que geraram referidos débitos são relativas a períodos de contratos de trabalho de mandatos anteriores e os pedidos realizados dizem respeito a horas extras, adicional de insalubridade, invalidade do regime compensatório (expediente aos sábados), reintegração de aposentados, resíduo do levantamento de horas extas, entre outros.

Esta foi uma das razões da luta da atual administração para mudar o regime geral com a implantação do regime estatutário. Conforme o prefeito de Imigrante, Celso Kaplan, o pagamento destes valores causou grande impacto orçamentário e por isso vários projetos não puderam ser realizados. “Como gestor temos que admitir que o valor pago pelas ações trabalhistas nos impossibilitou de executar diversos projetos, quadro agravado pela crise econômica em que os municípios se encontram. É um recurso que nos faz muita falta. Porém, a administração municipal se esforçou para quitar estes débitos e evitar o bloqueio das contas do município”, explica Kaplan.

- publicidade -