Hospital Ouro Branco entrega novo Centro de Diagnóstico por Imagem

Espaço foi reformulado e passa a contar com acesso externo exclusivo, reduzindo fluxo pelo Pronto Atendimento

1766
Novo acesso será inaugurado nesta segunda-feira (09/12)

O Hospital Ouro Branco (HOB), de Teutônia, está realizando movimentos de qualificação da infraestrutura disponibilizada à comunidade teutoniense e de municípios vizinhos. Nesse contexto, na segunda-feira (09/12), será inaugurado o novo acesso e espaço reformulado do Centro de Diagnóstico por Imagem (CDI).

A iniciativa busca levar mais comodidade aos pacientes, que a partir de agora acessam o CDI sem a necessidade de passar pelo Pronto Atendimento (PA).

A obra soma-se à inauguração recente da nova Central de Convênios e o novo serviço de Consultas Clínicas, em prédio específico em frente ao hospital. “A reforma da área de imagem segue a linha de levar mais conforto, num espaço de fácil acesso para todos os cidadãos que procuram os serviços do HOB”, ressalta o diretor-executivo do hospital, André Lagemann.

A casa de saúde contou com o apoio financeiro da Unimed na execução das obras; da Prefeitura de Teutônia e da Certel Artefatos de Cimento para o calçamento; além de recursos arrecadados com a Campanha Mãos Dadas com a Saúde e a ação da Bandeja Solidária.

Segundo Lagemann, o próximo passo é a reforma do acesso principal do HOB, qualificando o ambiente de salas de espera e de consultórios, além de otimizar o fluxo de atendimento. “Vai nos permitir a identificação de todas as pessoas que entram no hospital, medida de controle e segurança, requisito para conquistar Selo de Acreditação, uma certificação de que adotamos e cumprimos regras de práticas de gestão recomendadas para um ambiente hospitalar seguro para profissionais, pacientes e clientes que utilizam os serviços do hospital”, conclui o diretor.

O CDI

O CDI é um serviço de apoio e diagnóstico de extrema importância para o Pronto Atendimento, atendendo pacientes internados, pacientes ambulatoriais provenientes dos postos de saúde de diversos municípios, dos consultórios particulares, da Central de Convênios e da Consulta Clinica.

A equipe do setor conta com 22 profissionais: sete funcionários administrativos, dois técnicos de enfermagem, oito técnicos em radiologia e cinco médicos. Cerca de 200 pessoas circulam pelo local diariamente, fluxo que será desviado do P.A. Anualmente são realizados mais de 40 mil exames no CDI, atendidas mais de 30 mil pessoas de 35 convênios diferentes.

A partir da reformulação do setor, o HOB deve implantar classificação de pacientes que procuram o CDI para a realização de exames ou apenas a retirada dos mesmos, agilizando os processos de atendimento.

Infraestrutura

A estrutura do CDI possui equipamentos com grande tecnologia embarcada. Nisso se enquadra o novo tomógrafo, além da injetora de contrastes e imagens digitalizadas, em operação desde o mês de outubro. O tomógrafo com 16 canais, é um dos mais completos e modernos do Vale do Taquari. Ele substitui aparelho de tomografia computadorizada adquirido em 2010, permitindo mais agilidade e excelente qualidade de imagem, além da redução de tempo de exposição à radioatividade para os pacientes e gasto mínimo de energia.

O equipamento possibilita exames de tomografia computadorizada de crânio, tórax, abdômen, coluna, pescoço, bacia, articulações, face, angiotomografias e tomografias com reconstrução 3D. O serviço oportuniza o máximo de detalhes na visualização de imagens, contribuindo para o tratamento e o maior conforto dos pacientes.

O CDI também oferece acesso remoto dos resultados de exames a pacientes e médicos. Por meio de senha fornecida após a realização, é possível visualizar imagens e laudo do exame, até mesmo pelo celular.

O horário de atendimento também será estendido: de segundas a sextas-feiras, das 7h30 às 19h, sem fechar ao meio-dia; e aos sábados, das 8h às 12h.

- publicidade -