Festival Cultural Teutônia deu palco aos artistas locais

- Publicidade -spot_imgspot_img

O Festival Cultural Teutônia Live ocorreu nos dias 19, 20 e 21 deste mês, apoiado pelo governo do Estado do Rio Grande do Sul através da Secretaria do Estado da Cultura no Programa de Lei de Incentivo – Pró-Cultura. O evento foi realizado no formato virtual, com transmissão ao vivo pelas redes sociais do Festival Cultural Teutônia, cooperativa Certel e também pelo YouTube da Rádio Popular.

De acordo com o diretor artístico do evento, Marcelo Brentano, a proposta surgiu com o intuito de valorizar as potencialidades da região. “Teutônia é a capital nacional do canto coral e é a cidade que canta e encanta. Temos muitos artistas na nossa cidade. E foi pensando neles, nos talentos locais, que surgiu a nossa ideia”, comenta Brentano.

A programação foi diversificada e voltada para todos os públicos. Quatro lives musicais marcam os três dias de festival, com shows de orquestras, grupos vocais e bandas. A diversidade de estilos e manifestações artísticas permitiram incentivo a um grande número de profissionais e, também, a ampliação dos conhecimentos e das vivências culturais da população.

As atrações foram Orquestra de Teutônia, Grupo Vocal de Amigos de Teutônia, Orquestra de Encantado, duplas Marco e Nando, Xepa e Marcinho, Lucas e Felipe, Matheus e Mathias e banda, Diana Dick e banda, Baitaca e grupo do Fundo da Grota, Trio Canarinhos, Rainha Musical, Banda Rapport, Banda La Paloma, Luz de Candieiro e Musical Signos.

As apresentações do fim de semana passado tiveram grande participação nas redes sociais, com mais de 56 mil visualizações. A programação online teve um grande alcance de público, pois permitiu que mais pessoas acompanhassem os shows de suas casas. O novo formato é uma alternativa deste segmento em períodos de pandemia e dificuldades de realização de eventos com aglomeração de pessoas.

Na opinião de Brentano, reunir vários estilos e grupos para fazer uma live foi um grande desafio, pois muitos artistas ainda não tinham participado de um evento dessa dimensão e nem de um programa ao vivo. “Foi desafiador, mas todos deram um show a parte. Foi um evento de fato muito diferente e com grande alcance”, diz.

O principal objetivo do evento foi promover um festival artístico e cultural para impulsionar os grupos e artistas locais e regionais, assim como gerar conteúdo digital voltado à cultura e à arte para a população. A participação e apoio das comunidades proporcionou o devido reconhecimento aos talentos locais, que muitas vezes, passam por dificuldades financeiras e falta de oportunidades.

Brentano destaca a importância de união entre os artistas e a comunidade nesse momento de pandemia. “Nós, artistas, temos que levantar a cabeça, irmos em busca de novas ideias e parcerias. Temos que nos reinventar. Fazer um evento sempre é desafiador, mas quando é feito com amor e dedicação, é gratificante”.

APOIO DA CERTEL

O festival teve o patrocínio da Certel, que aproveitou para sortear prêmios aos espectadores durante as programações, com vale presentes e brindes. De acordo com o presidente da cooperativa, Erineo José Hennemann, ao completar 65 anos a Certel assume um compromisso cada vez maior com os seus mais de 70 mil associados.

“Nosso sentimento é de extrema alegria, gratidão e satisfação, pois os artistas possuem um grande papel social ao oportunizarem momentos de integração e bem-estar à sociedade. Nosso modelo cooperativo possui forte inserção comunitária e responsabilidade social. Apoiar o Festival Cultural foi um momento de valorizar os artistas e a comunidade”, afirma Hennemann.

Marcelo Brentano agradece à cooperativa pelo apoio e parceria. “Estamos felizes em poder, através do apoio da Certel, fazer com que muitos artistas tivessem oportunidade de palco, e também termos gerado renda a muitos profissionais da área técnica e musical”, declara o diretor.

Ao comentar a parceria com o Grupo Popular, o presidente da Certel ressalta o sentimento de satisfação. “Orgulhamo-nos em poder contar com a parceria deste veículo de comunicação que, com seus 35 anos de atuação no Vale do Taquari, proporciona informação qualificada e momentos de alegria às comunidades. Conseguimos celebrar com muita tranquilidade e qualidade, observando com rigor as determinações da saúde”, conclui Hennemann.

- Publicidade -

MAIS

- Publicidade -
- Publicidade -

Notícias relacionadas

- Publicidade -