Professoras lajeadenses são selecionadas para participar de aperfeiçoamento em Portugal

127
Crédito: Laura Mallmann / Divulgação

O município de Lajeado aderiu em 2020 o programa Tempo de Aprender, do Ministério da Educação (MEC). O curso era dado de forma online, fora da jornada de trabalho e continha avaliações ao longo da capacitação. Na segunda fase, ocorreu o estudo de Alfabetização Baseada na Ciência (ABC), ministrado pelo Instituto Politécnico do Porto, de Portugal.

- publicidade -

No início deste ano, o curso oportunizou que os professores inscrevessem projetos para participar das aulas práticas no país europeu, sendo um projeto voltado à formação de professores e outro de intervenção pedagógica para os alunos. Das 100 vagas disponibilizadas para o Brasil, 12 professores foram selecionados no estado, sendo duas de Lajeado.

Agora, em 2022, as professoras Deise Cristina Scheibe, da Escola Municipal de Educação Infantil (EMEI) Pequeno Aprendiz e da Escola Municipal de Ensino Fundamental (EMEF) São Bento, e Pauline Pessi, da EMEF Vida Nova e do Colégio Sinodal Conventos, foram selecionadas para realizarem o curso de aperfeiçoamento de “Professores Alfabetizadores – Alfabetização Baseada na Ciência (ABC)” em Portugal.

As profissionais embarcam no dia 4 de novembro e retornam ao Brasil no dia 18 de dezembro e a capacitação ocorre de 7 de novembro a 16 de dezembro. As despesas relacionadas à viagem, como passagens aéreas, hospedagem e alimentação serão custeadas pelas entidades que promovem o curso.

Alfabetização Baseada na Ciência
O curso “Alfabetização Baseada na Ciência (ABC)” faz parte de uma parceria entre instituições brasileiras, como a Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior – CAPES e Secretaria de Alfabetização do Ministério da Educação – SEALF, e de Portugal, com Universidade do Porto – UP, Instituto Politécnico do Porto – IPP e Universidade Aberta de Portugal – Uab.

Ensinamentos
A formação será para aperfeiçoar os conhecimentos de professores que trabalham com a alfabetização, com base em evidências científicas. A professora Pauline Pessi destaca que é uma oportunidade essencial para aprimorar os conhecimentos. “Estamos muito felizes com essa seleção. Quem ganha são os nossos alunos e toda a rede municipal. Somos as primeiras a ir para essa especialização e queremos servir de inspiração e incentivo para que no futuro nossas colegas também possam participar”, ressalta Pauline.

Deise comenta sobre oportunidade de busca por qualificação e retorno para alunos. “Vamos para lá com a responsabilidade de representar o nosso município e voltamos com a responsabilidade de compartilhar o nosso conhecimento com alunos e professores”, pontua.

No próximo ano, os projetos inscritos no programa serão aplicados pelas professoras, que precisam encaminhar relatórios para as instituições. “Recebemos a notícia da seleção das professoras com muito orgulho. Dos 12 professores selecionados no estado, duas são da nossa rede. A capacitação vem para qualificar a alfabetização no ensino do município, que é a base para uma educação construtiva”, ressalta a secretária de Educação, Adriana Vettorello.

Tempo de Aprender
O programa Tempo de Aprender foi criado pelo governo federal com o objetivo de promover o aperfeiçoamento, o apoio e a valorização a professores e gestores escolares do último ano da pré-escola e do 1º e 2º ano do ensino fundamental.

- publicidade -

DEIXE UMA RESPOSTA

Escreva seu comentário!
Digite seu nome aqui