Lajeado conclui licitação para ampliação da EMEF Campestre

154
Crédito: Divulgação

A Escola Municipal de Ensino Fundamental (EMEF) Campestre de Lajeado terá um prédio novo. A licitação para a obra que terá no total 1.424,09 metros quadrados, foi homologada pela Prefeitura. O novo prédio foi planejado pela Secretaria do Planejamento, Urbanismo e Mobilidade (Seplan) e contará com 12 salas, banheiros e pátio coberto.

Atualmente, o educandário já conta com dois prédios com área total de 1.444 metros quadrados e um ginásio 880 metros quadrados. O segundo prédio, com a estrutura já antiga de 258,81 metros quadrados, será demolido e dará lugar ao novo espaço. 

O novo bloco terá dois pavimentos, sendo o inferior com quatro salas e um pátio coberto de 406,14 metros quadrados, e o superior com outras oito salas, todas com cerca de 55 metros quadrados, além de banheiros. O novo espaço também foi planejado com rampas de acessibilidade que interligam o antigo prédio à nova edificação.

O prédio conta com uma espaçosa área coberta para atividades recreativas que foi pensada, principalmente, para dias de chuva.

O investimento da obra será de R$ 3.419.137,48  e será custeado com recursos próprios do município. A empresa vencedora da licitação é a Sieg Engenharia e Construções, com sede em Teutônia.

Necessidade de ampliação
A Secretaria de Educação realizou um mapeamento a partir do zoneamento das escolas municipais para verificar as necessidades atuais de ampliação em determinados prédios escolares com objetivo de atender a demanda por vagas no Ensino Fundamental.

Conforme a secretária de Educação, Adriana Vettorello, muitos investimentos já vem sendo realizados na Educação Infantil nos últimos anos e, agora, também há a necessidade de receber esses alunos no Ensino Fundamental, neste sentido, foram apresentados à Administração projetos de ampliação e novas construções, dentre eles, a ampliação da escola Campestre. “Atualmente a escola atende 504 alunos do pré ao 9º Ano. As melhorias visam garantir conforto e qualidade aos alunos, profissionais e comunidades escolares”, pontua.

A nova estrutura está disponível em um vídeo de simulação em arquivo no google drive.

- publicidade -