APAE Teutônia volta com medalhas das Paralimpíadas Escolares

762
Os atletas embarcaram na manhã do dia 5 de setembro, junto com seus técnicos Alex Junior Marin e Évelin E. A. Pacheco e staffs da modalidade bocha (mães das atletas)

A delegação de atletas da APAE Teutônia participou de mais uma edição da etapa Regional Sul/Sudeste das Paralimpíadas Escolares 2023. Este ano, seis atletas que participam de projetos esportivos na APAE Teutônia garantiram suas vagas e representaram o estado, cidade e instituição no maior evento do mundo para crianças com deficiência em idade escolar, compondo a delegação gaúcha de paradesporto.

- publicidade -

Davi Henrique Feil, Deryck Gabriel Trindade da Silva, Estafany Semler da Silva e Nathaly Lisboa de Freitas competiram em provas do atletismo. Já Giovanna Locatelli Lopes e Keila Luana Demarchi fizeram parte da delegação gaúcha de bocha paralímpica.
Os atletas embarcaram na manhã do dia 5 de setembro, junto com seus técnicos Alex Junior Marin e Évelin E. A. Pacheco e staffs da modalidade bocha (mães das atletas). A competição aconteceu no Centro de Treinamento Paralímpico Brasileiro, na cidade de São Paulo entre os dias 5 e 9 de setembro, reunindo atletas de seis estados brasileiros (RS, SC, PR, SP, RJ e ES).

Além de treinar e acompanhar as atletas de Teutônia, a professora Évelin comanda a equipe gaúcha da modalidade bocha paralímpica, a qual conquistou mais uma vez o terceiro lugar geral no evento.

“Os atletas conquistaram nove medalhas, fruto de muito empenho e dedicação nos treinos que são realizados na sede da APAE Teutônia e na pista de atletismo do Colégio Teutônia. A equipe do Rio Grande do Sul fez bonito nesta seletiva Regional das Paralimpíadas Escolares 2023. A delegação contou com 100 pessoas, entre atletas, treinadores e dirigentes e o nosso estado terminou a competição no inédito terceiro lugar geral”, destaca Évelin.

Os atletas da APAE Teutônia e da delegação gaúcha foram selecionados por meio do Campeonato Paradesportivo Estudantil do Rio Grande do Sul (Paracergs), organizado pela Secretaria do Esporte e Lazer. A SEL também se empenhou na logística da participação dos paratletas nesta seletiva Regional, disponibilizando as passagens aéreas e os uniformes, por meio de incentivo financeiro oriundo da Lei Pelé, além de atuar junto às delegações na capital paulista.

Confira a classificação final da regional São Paulo:
1º lugar: São Paulo
2º lugar: Santa Catarina
3º lugar: Rio Grande do Sul
4º lugar: Rio de Janeiro
5º lugar: Espírito Santo
6º lugar: Paraná

Esta foi a terceira e última disputa regional das Paralimpíadas Escolares 2023. Foi a maior em número de participantes, com 700 atletas em três modalidades: atletismo, natação e bocha. Antes, houveram regionais em Belém e Brasília.
Os classificados nessas três regionais vão disputar a fase nacional das Paralimpíadas, que acontece de 27 de novembro a 2 de dezembro, em São Paulo. Entre os atletas classificados, quatro são de Teutônia.

Atletismo
Davi Henrique Feil – Cat T/F21 – Síndrome de down
60m – 1º lugar
150m – 1º lugar
Lançamento de pelota – 1º lugar

Deryck Gabriel Trindade da Silva – Classe T/F35 – DF
60m – 3º lugar
150m – 2º lugar
Lançamento de pelota – 3º lugar

Estefany Semler da Silva – Classe T/F37 – DF
60m – 4º lugar
150m – 3º lugar
Lançamento de pelota – 3º lugar

Nathaly Lisboa de Freitas – Classe T/F20 – DI
Atleta classificada com 141% de índice técnico

Bocha
Giovanna Locatelli Lopes – Classe BC3, Cat B
3º lugar

Keila Luana Demarchi – Classe BC2, CatB
4º lugar

- publicidade -