D’Alessandro palestra na Univates em novembro

221
Palestra conta a trajetória do atleta

No dia 10 de novembro (quinta-feira), às 19h30, o ex-meio de campo do Sport Club Internacional Andrés D’Alessandro sobe ao palco do Teatro Univates para ministrar a palestra “D’Ale: o ídolo como você nunca viu!”. Ele abre seu coração e fala sobre os bastidores do futebol, suas glórias e detalhes da sua carreira. 

Os ingressos para o evento têm valores que variam de R$ 50,00 a R$ 150,00 e podem ser adquiridos diretamente no site do Teatro Univates. Para este espetáculo há um ponto de venda presencial, no Prédio 1 da Univates ‒ avenida Avelino Talini, 171, Prédio 1, sala 110. O atendimento é de segunda a sexta-feira, das 8h às 12h e das 13h às 22h, e aos sábados, das 8h às 12h. As formas de pagamento aceitas na compra do ingresso na Univates são cartão de débito ou crédito e Pix. 

Em caso de dúvidas sobre a palestra, contate o Teatro Univates pelo telefone (51) 3714-7000, ramal 5946, ou pelo e-mail [email protected] 

Carreira 

Se perguntarem a Andrés Nicolás D’Alessandro sobre sua paixão pelo futebol e de onde surgiu o interesse em ser um jogador profissional, ele responderá: “Acho que nasci com o futebol na cabeça”. Foi assim, com a certeza de sua escolha e a obsessão por vencer, que “El Cabezón” sempre levou sua vida no mundo da bola. 

Dos primeiros passos no “baby fútbol” ‒ espécie de futebol de salão praticado na Argentina ‒ até os toques de classe com a camisa 15 da Seleção Argentina, D’Alessandro enfrentou dificuldades, passou por maus momentos, mas nada, em absoluto, que o deixasse se abater ou desistir de seu destino no futebol. Foi aos nove anos que D’Ale iniciou sua trajetória no futebol, nas escolinhas do River Plate.

Após 22 anos de atividade no futebol, D’Alessandro encerrou sua carreira como jogador com a camisa do Internacional em abril de 2022, na vitória sobre o Fortaleza no Campeonato Brasileiro. O argentino é o segundo futebolista com mais apresentações na história do Clube, com 529 partidas. Marcou também 97 gols e 113 assistências, conquistando 13 títulos. Em 2010, campeão e protagonista no título da Copa Libertadores, foi eleito o melhor jogador em atividade na América do Sul.  

D’Ale atuou ainda em outros cinco clubes durante sua trajetória: River Plate e San Lorenzo, da Argentina; Wolfsburg, da Alemanha; Portsmouth, da Inglaterra; e Real Zaragoza, da Espanha, além de ter defendido a Seleção Argentina, pela qual venceu o Mundial Sub-20, os Jogos Olímpicos 2004 e chegou ao vice-campeonato da Copa América 2004. 

Projetos sociais

Fora dos campos, D’Ale tornou-se referência na área social ao desenvolver e executar, como embaixador, o evento Lance de Craque. Em seis edições, a partir de 2014, o projeto arrecadou mais de R$ 3 milhões, doados para 30 instituições sociais e entidades assistenciais do Rio Grande do Sul.  

O craque também é embaixador do Instituto do Câncer Infantil para toda América Latina (ICI). A instituição há 30 anos assiste crianças e adolescentes, de 0 a 19 anos, com câncer, visando a aumentar os índices de cura e a qualidade de vida dos pacientes e seus familiares. 

Ao todo D’Alessandro contabiliza:

  • 17 títulos conquistados;
  • mais de 800 jogos como atleta profissional; 
  • mais de 100 gols feitos;
  • o título de “Rei da América” em 2010.

Ele também será comentarista do SportTV nas transmissões da Copa do Mundo Catar 2022.

- publicidade -